Todos aqueles que possuem sentimentos nobres como amor, solidariedade, humildade e principalmente caridade são bem vindos.
Precisando conversar e/ou receber um passe energético (benzer) estou à disposição todos os dias, para jogar cartas (ler a sorte) somente com hora marcada.
Cobro apenas para ler as cartas R$ 70,00, para manutenção de nossa casa. Qualquer outro tipo de consulta não pode ser cobrada pois na verdadeira caridade não se coloca preço, a verdadeira caridade quem paga é Deus.
Endereço: Rua 22 nº 281 Jardim Morada do Sol Indaiatuba - SP
trabalho assistencial toda sexta feira às 20:00
telefone: 19 995829299
email: d12edani@gmail.com
PEÇO POR GENTILEZA QUE NÃO VENHAM ME PROCURAR PARA FAZER AMARRAÇÃO OU MAGIA BAIXA NÃO ACEITO FAZER ISSO POR DINHEIRO NENHUM DO MUNDO
AGORA SE FOR PRA DESMANCHAR AMARRAÇÃO OU MAGIA BAIXA VENHA CONVERSAR COMIGO

Receba as novidades por email

Translate

sexta-feira, 20 de maio de 2016

O que é Orixa?

Orixas são centelhas divinas, orixás nunca tiveram vida terrena, não bebem , não fumam, não dão consultas. Os orixás de umbanda são emanações de Deus/Zambi/Olorum, são eles que dão sustentação aos seres humanos durantes suas jornadas na Terra.
Para “humanizar” o que seriam os Orixas imaginemos a seguinte colocação:
Deus/Zambi/Olorum criador de tudo e de todas as coisas Onipotente Onipresente e Onisciente como uma bola de fogo divina.


Orixas centelhas desse fogo divino, emanadas pelo Criador cada um com uma essência própria e divina que sustentam, amparam e zelam por todas as criaturas terrenas, são os intermediadores do humano com o divino.


Entendendo este principio chegamos aos orixás menores que são os ditos pais e mães de cabeça dos médiuns de umbanda, estes orixás zelam diretamente por determinado grupo de espíritos são eles que emanam sua vibração em nossas giras de orixás.
Um orixá não incorpora em seus filhos, ele vibra, emana energia, essa vibração é captada pelo médium e manifestada através da dança e outras características que somente o médium manifestado pode descrever, porém temos algumas características comuns em todas as manifestações de determinados orixás, por exemplo, a manifestação da orixá Yemanja em sua maioria apresenta um choro incontido e suas mão balançam como as ondas do mar, orixá Oxum sua dança em sua maioria lembra o embalo de uma criança ou as ondas do rio turbulento em direção a uma queda d’agua, todos os orixás apresentam características únicas que os identificam, observem!
Em nosso culto temos os orixás Oxalá, Yemanja, Ogum, Oxum, Oxossi, Iansã, Xango, Nanã, Obaluaie/Atoto, Ibeji. Oxalá e Ibeji é o único orixá que não emana vibração em uma gira, Oxalá é o regente do planeta Terra, ou seja, zela por todos os seres humanos, nas lendas aparece como criador do corpo humano, interpretando a mensagem oculta na lenda da criação, o temos como responsável supremo sobre nossa encarnação acima dos orixás e abaixo de Deus/Zambi/Olorum. Quanto a Ibeji este é a pureza e a sinceridade por este motivo não aceita emanar vibração em seres tão impuros como nós humanos e por isso é o regente da linha dos eres, que são espíritos puros e sinceros que auxiliam na nossa amada umbanda.
Entendemos então que nosso planeta e todas as demais dimensões existentes no universo são compostas de energias que dão sustentação a todos os seres carnais e espirituais. Deus/Olorum/Zambi é o criador de todos os planetas e cada planeta tem o seu regente, uma entidade de vibração extremamente elevada abaixo do Criador, que coordena todas as coisas, no caso do planeta Terra essa entidade é Oxalá, existem vários tipos de vida o ser humano é apenas uma delas.
Orixás são vibrações extremamente puras que auxiliam na condução dos espíritos a evolução, são eles os responsáveis pelo equilíbrio de todas as coisas e à todas as coisas damos o nome de natureza, natureza é tudo aquilo que vemos, sentimos, tocamos, cheiramos e muito mais pois nosso espírito preso na carne é limitado aos 4 sentidos, porém o espírito liberto da carne consegue ir alem, um espírito evoluído vai ainda mais além. Para se ter uma idéia da grandeza da natureza pense numa frase dita regularmente por vários espíritos: “O planeta Terra é apenas um rascunho do mundo espiritual”.
Nós somos influenciados por essas vibrações ou energias desde o momento do nascimento, onde nossa personalidade e destino são definidos. Uma vibração ou energia que chamamos de Orixá nos acompanhará durante nosso trajeto e nos influenciará de maneira que alcancemos algum sucesso em nosso destino. Todos nós antes de encarnar traçamos metas, missões, que nos propomos a seguir enquanto encarnados, portanto todos têm um destino traçado no livro da vida depende de cada um cumpri-lo ou não.
A coroa de um médium é regida por Oxalá mais quatro orixás, onde o primeiro será aquele que regerá sua vida e influenciará em sua personalidade, o segundo regerá em menor grau ainda assim influenciando na personalidade os outros dois darão o equilíbrio e a sustentação para a evolução. Cada orixá da coroa traz um elemento, portanto teremos sempre em nossa coroa terra, água, ar, fogo e éter que é o quinto elemento representado por Oxalá. Todos os seres do planeta Terra trazem Oxalá, pois ele é o regente do planeta e o responsável por tudo que há na Terra. Para saber sua coroa é necessário consultar seu pai/mãe no santo, as entidades no caso de médiuns de incorporação também podem ser consultadas, geralmente quem confirma os orixás da coroa do médium são os eres ou os caboclos, pois eles atuam diretamente sobre a influencia do orixá.

autor Dani Ramos e mestre Zé

Piada?

Um Pai-de-Santo, para definir bem a influência dos orixás nas pessoas contou uma estória: Simulemos um fato: Imaginem duas pessoas brigando.

Passando um filho de Ogum, ou ele passa direto e nem olha, ou já vai se meter na briga. Um filho de Xangô para, fica olhando, e já começa a reclamar. Coitado do baixinho! Porque será esta briga? Acho que aquele alto não tem razão. E pior, nem sabe brigar. É um fraco. E fica questionando. Um filho de Oxóssi para, senta no chão e, rindo, fica assistindo e se deleitando com a briga. Uma filha de Iemanjá chamaria os dois, colocaria suas cabeças em seu colo e os acalmaria recomendando paz. Uma filha de Iansã já reclamaria e chamaria a polícia. Alguém perguntou:_ E uma filha de Oxum, que faria?

Ele Respondeu:_ Nada, e nem poderia. Os dois estavam brigando por causa dela...